Descubra os sintomas de hepatite através da sua saúde ocular

I

Actualidade

I

Por

Neste dia Mundial do Combate à Hepatite queremos alertar-lhe para como esta doença se interliga com a sua saúde ocular. Estima-se que cerca de 325 milhões de pessoas no mundo sofram de hepatite C, provocando 1,4 milhões de mortes por ano, levando a Organização Mundial de Saúde a criar o objetivo de erradicar a hepatite B e C até 2030.  

Vamos a dados: Segundo o Infarmed, desde 2015 foram autorizados, até 1 de julho de 2020, 27.239 tratamentos para a hepatite C e iniciados 26.006, mantendo-se a taxa de cura nos 97%, com 15.909 doentes curados e 572 não curados. Este ano, em Portugal, foram identificados na Madeira cerca de 700 casos de hepatite C, estando o arquipélago incluído no projeto de erradicação da doença até 2030.  

Existem sintomas que são observáveis na sua saúde ocular e que podem prevenir o escalar da hepatite. Continue a acompanhar o artigo da CECOP e conheça mais a fundo as implicações desta doença para os seus olhos. Vamos la! 

O que é a Hepatite? 

A hepatite é uma inflamação no fígado que pode ser causada por vários fatores: vírus, uso de alguns medicamentos, consumo de álcool ou drogas, doenças autoimunes, metabólicas ou genéticas. Existem diversos tipos de hepatites, desde a A à G, hepatite autoimune, medicamentosa e crónica e vários são os fatores de risco que podem estar associados, tais como: 

  • Consumo de água e alimentos contaminados; 
  • Sexo desprotegido; 
  • Partilha de agulhas para uso de drogas injetáveis; 
  • Uso de material cirúrgico contaminado e não descartável; 
  • Partilha de lâminas (sessões de depilação ou tatuagem, manicure e barbearia); 
  • Partilha de escova de dentes; 
  • Uso de material de proteção individual ao lidar com produtos biológicos; 
  • Uso abusivo de álcool e medicamentos; 
  • Não receber as vacinas contra as hepatites A e B. 

Os sintomas de hepatite são normalmente silenciosos, contudo num estado avançado pode-se observar cansaço, febre, mal-estar, tonturas, enjoos, vómitos, perde apetite, dor abdominal, urina escura, fezes claras e pele e olhos amarelados. Sim, através da mudança de tonalidade dos seus olhos é possível despistar uma possível hepatite, tanto que no Brasil o mês de julho é já apelidado de “Julho Amarelo”, por ser considerado o mês de prevenção e consciencialização para a doença. 

Em julho de 2021 a Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia lançou a campanha “Faça análises antes que o seu fígado dê que falar”, alertando para a importância da realização regular de exames ao fígado, de modo a promover o diagnóstico precoce da doença. Outra das maneiras de despistar casos de hepatite é ter os seus exames oculares em dia, visto que se pode manifestar em diversos problemas que afetam a qualidade da sua visão. 

Hepatite e doenças oculares 

A hepatite pode despertar disfunções denominadas de extra-hepáticas, que podem afetar diversos órgãos, um deles são os olhos. Como já referimos acima, um dos sintomas mais visíveis de hepatite é a alteração da cor dos olhos para um tom amarelado, que indica alterações no fígado.  

Contudo existe outro sintoma que estudos apontam ser bastante comum, a síndrome do olho seco, que ocorre quando existe a falta de produção de lágrimas. Esta complicação é a segunda maior causa de atendimentos nos consultórios e, quando não diagnosticada e tratada corretamente, pode evoluir para lesões da superfície ocular tais como: 

  • Retinopatia: Lesões não inflamatórias na retina ocular, normalmente associadas a uma deficiente circulação sanguínea; 
  • Inflamações do globo ocular: Inflamação da membrana que cobre o globo ocular e a parte interna da pálpebra; 
  • Vasculite na retina: Alterações inflamatórias nos vasos da retina;  
  • Úlceras na córnea: Infeção ocular que provoca uma ferida aberta sobre a córnea (camada transparente na frente da íris e da pupila). 

Etiquetas

También te puede interesar

Um dos principais segredos para o sucesso de qualquer negócio é perceber o perfil do cliente, e as óticas não fogem à regra!   Saber quem são os seus clientes, do que precisam, quais são os seus gostos e comportamentos de compras, irá fazer com que a comunicação da sua ótica seja mais assertiva. Consequentemente […]

Viajar pode ser muito mais do que descanso e uma pausa da rotina de trabalho. É também a oportunidade única de expandir horizontes, não só a nível pessoal como profissional.   Já imaginou o quão enriquecedor seria embarcar numa viagem com colegas de profissão, neste caso no ramo da ótica? Esta experiência pode ser um verdadeiro […]

Quantas vezes já ouviu ou lhe contaram “verdades” sobre a utilização de óculos ou de lentes de contacto? Com certeza que já ouviu que as lentes de contacto podiam ir para trás dos olhos, ou até que os óculos de sol são apenas para dias de sol, e mesmo até que é muito difícil fazer […]

Únete a CECOP

y descubre cómo rentabilizar al máximo tu negocio