Chega o Outono e com ele as temidas alergias. Como afetam os nossos olhos?

I

Actualidade

I

Por

Mais um ano em que temos que dizer adeus ao Verão e ao mês de Setembro. O Outono chegou para ficar e com ele as temidas alergias, onde o nosso corpo se precisa de habituar a novos climas, dias com menos luz e com o uso cada vez maior de ecrãs e luzes. Todos esses fatores acabam por prejudicar os olhos no Outono, causando até conjuntivite alérgica.

As consequências de uma alergia no Outono são semelhantes às que ocorrem na Primavera; comichão no nariz e na garganta, espirros e olhos lacrimejantes. Os olhos reagem à substância que os irrita, criando histamina para combatê-la. Todos estes sintomas costumam ser acompanhados de rinite, devido a uma inflamação do nariz, motivo pelo qual costuma ser chamada de rinoconjuntivite.

O que é conjuntivite alérgica?

É uma inflamação da conjuntiva (a membrana que cobre a superfície ocular e o interior das pálpebras) causada por uma resposta excessiva do nosso corpo a um agente externo (alergénios).

Como podemos tratar disso?

Uma boa higiene é essencial. Lave os olhos com solução salina estéril ou lágrimas artificiais para remover alegérnios dos olhos.

O seu optometrista ótico pode ajudá-lo com uma solução sob medida.

Uso de colírio prescrito por um profissional de saúde uma vez feito o diagnóstico.

Não esfregue os seus olhos.

Compressas frias nas pálpebras podem ajudar a reduzir a inflamação.

É contagioso?

Se, normalmente, são transmitidos de uma pessoa infetada para outras por meio de contacto pessoal próximo, como partilhar uma toalha ou tocar ou apertar as mãos de outra pessoa. Ar, tossir ou espirrar. Tocar em superfícies ou objetos contaminados com germes e depois tocar nos seus olhos.

Caso seja um utilizador de lentes de contacto, não se esqueça de descartar o suporte da lente antes de trocar as lentes descartáveis, pois o estojo pode estar infetado.

Os alérgenos mais comuns são:

  • O pólen
  • Ácaros
  • Células do cabelo e da pele do descamação de animais domésticos.
  • Alguns fungos (mofo)
  • Produtos cosméticos.
  • Antibióticos
  • Fumo

Etiquetas

También te puede interesar

Se é empreendedor de ótica, sabe como é difícil destacar o seu negócio no atual mercado competitivo, como é desafiante conquistar novos clientes e o quão complexo é posicionar-se, enquanto marca no setor.  Face a este panorama, começa a questionar-se “Então, afinal o que posso adotar na minha ótica para se diferenciar das outras?”. Neste […]

Um dos principais segredos para o sucesso de qualquer negócio é perceber o perfil do cliente, e as óticas não fogem à regra!   Saber quem são os seus clientes, do que precisam, quais são os seus gostos e comportamentos de compras, irá fazer com que a comunicação da sua ótica seja mais assertiva. Consequentemente […]

Viajar pode ser muito mais do que descanso e uma pausa da rotina de trabalho. É também a oportunidade única de expandir horizontes, não só a nível pessoal como profissional.   Já imaginou o quão enriquecedor seria embarcar numa viagem com colegas de profissão, neste caso no ramo da ótica? Esta experiência pode ser um verdadeiro […]

Únete a CECOP

y descubre cómo rentabilizar al máximo tu negocio